quinta-feira, 10 de novembro de 2016

Sweet November. Better yet, the sweetest November.

Novembro é quase fim do ano mas, para mim, ele tá é com cara de começo. Já estamos devidamente instalados e muito bem adaptados. A mudança foi tranquila. Cansativa, porém tranquila. A casa já está 80% (minhas casas dificilmente chegam nos 100% porque sempre arrumo coisas novas para ajeitar na decoração), e nós já estamos 99% adaptados à nova rotina. Não preciso mais acordar o pequeno de manhã cedo para deixá-lo na creche antes de ir trabalhar. Não preciso mais escolher entre arrumar o cabelo ou me maquiar quando perco 5 minutos a mais decidindo qual roupa vestir. Não preciso mais tomar o café da manhã de pé enquanto dou ração para os cachorros e ajeito o lanche do pequeno na mochila. Faço as coisas com calma, no meu ritmo e ainda me sobra tempo para sentar uns minutos com o pequeno para brincar antes de sair de casa. Melhor que isso só ganhando na mega.
E se Novembro é o começo de tudo que eu desejei nos últimos anos, é graças a Outubro. Outubro foi o mês da mudança, do caos, das caixas, despedidas, atualizações de endereço, cancelamentos de serviços, e tudo aquilo que há de mais difícil e trabalhoso para fazer. Mas outubro não foi só isso. Foi também o mês que meu pequeno comemorou seu segundo aniversário. E como comemorou. Fez valer a pena cada detalhezinho escolhido e planejado para a sua festa, me fazendo querer organizar um milhão de festinhas over and over again..
O convite da festa personalizado do jeitinho que eu pedi (cores, modelo, ar vintage) fazia parte do kit impressão que eu detalho mais abaixo...
Basicamente só tenho fotos da mesa principal, mas fora isso havia apenas as mesas dos convidados, balões pendurados em alguns cantos e o espaço de brinquedos dos pequenos. A decoração em si não teve muito segredo: carinha caseira e vintage, parte do que foi usado já era de casa (móveis, caixas de feira envernizadas, quadro de mapa e vasinhos da mesa e da estante) e o resto veio tudo da internet, como as nuvens 3D que enfeitavam a borda do telhado de acesso ao deck, que eu comprei aqui.

Estante de lembrancinhas: sacolinhas que imitavam bagagem compradas aqui, avião de madeira comprei numa lojinha de brinquedos de madeira perto de casa, a letra "A" foi comprado junto com o "2" da foto seguinte aqui, e a placa de check-in veio junto no kit impressão que eu detalho melhor na próxima foto.. 

As placas de aeroporto da mesa, da foto anterior, e mais umas outras que eu coloquei em outros lugares (ex: banheiro, entrada, etc.), as bandeirolas, o convite, o mini-poster dentro do porta retrato azul em cima das caixas (que não dá para ver direito, mas diz "The bad news is time flies. The good news is you're the pilot"), tudo fazia parte do kit impressão comprado aqui

A mala vintage eu achei no mercado livre (nem vale a pena passar o contato do vendedor porque era peça única..) e os balões de nuvens, eu não tenho mais o link, mas foi alguma loja de festas de SP (jogando no google "balão azul nuvem" acha vários lugares para comprar).

Os suportes dos docinhos e bolos eu comprei de MDF simples aqui, depois encapei eu mesma com cartolina branca, fazendo o detalhe da nuvem na borda. Por algum motivo que eu não sei explicar, não gosto de mesas lotadas de docinhos, costumo colocar assim, um ou outro suporte, e distribuo o resto em pratinhos nas mesas dos convidados...

A entrada da casa/festa, enfeitada com mais balões, mais placa de aeroporto e aviões de origami feitos de cartolina. Isso sem contar os pequenos serelepes ❤️


No dia seguinte, quando viu os tios, primo e a turma toda indo embora, o pequeno desatou a chorar. Passou uns bons 10 minutos em prantos no meu colo, eu de coração partido tentando explicar para ele que sabia exatamente o que ele estava sentindo, mas que logo logo nós iríamos nos mudar e não sentiríamos mais essa saudade avassaladora. Passados uns minutos, ele parou de chorar, olhou bem tranquilo para mim e disse "pronto mamãe, passou", levantou e foi brincar. E eu fiquei ali, boquiaberta, tentando absorver todo aquele nível de maturidade emocional de um tisco de gente que de maneira tão simples conseguiu lidar com um sentimento tão duro. Congrats, my little one. For your birthday, for all you are and for always making me want to be a better person!..

Nenhum comentário:

Postar um comentário